Visitantes

quarta-feira, 28 de janeiro de 2015

SYRIZA: Devagar com o andor...



Comentário: Algumas pessoas tem externado sua empolgação com a vitória do Syriza na Grécia e particularmente creio que é sempre bom se ter otimismo. Mas é importante lembrar que o mundo é governado pelas grandes corporações o que torna o capitalismo cada vez pior e o movimento de resistência dos trabalhadores, dadas a deterioração da qualidade de vida dos operários, mais frágil. E não há esquerda radical sem ruptura também radical com o status quo. Voto de protesto não é necessariamente voto consciente e a população sem consciência é facilmente manobrada. Não conheço a realidade grega, mas analisando os números das eleições vê-se que o partido-nazista Aurora Dourada é a 3a. força política do país, atrás da "Nova Democracia". Desde os tempos de Hitler os fascistas adoram as grandes corporações (Coca-Cola e IBM que o digam). Se o povo não é protagonista político a máxima de Magahães Pinto torna-se realidade. Que o diga o PASOK (partido "socialista" grego) que há 8 anos recebia 38,10% dos votos e que na eleição do último domingo (25/01) quase fica sem representação no Parlamento grego obtendo apenas 4,68% dos votos. Sinceramente espero que o Syriza melhore de fato a vida dos trabalhadores e da juventude da Grécia e não seja mais um a transar com o "retado" monstro Sist.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Preencha o formulário: