Visitantes

segunda-feira, 6 de junho de 2011

Humala, candidato da esquerda, vence boca de urna no Peru


Ollanta Humala

"A história é um carro alegre cheio de um povo contente que atropela indiferente todo aquele que a negue" Chico Buarque e Pablo Milanes
Espero que o resultado se confirme e que o povo peruano construa seu caminho rumo a um futuro mais próspero, democrático, popular e feliz.



O candidato da esquerda Ollanta Humala venceu as eleições presidenciais no Peru com mais de 5% de vantagem sobre Keiko Fujimori, revelam três pesquisas de boca de urna neste domingo.

Segundo o instituto Ipsos, Humala obteve 52,6% dos votos, contra 47,4% para Keiko Fujimori, o que dá uma margem de 5,2 pontos para o candidato da aliança Ganha Peru.

A pesquisa CPI aponta Humala com 52,5% dos votos, contra 47,5% para Fujimori, uma vantagem de 5 pontos, enquanto o instituto Datum informa 52,7% a Humala e 47,3% para Fujimori, com diferença de 5,4 pontos percentuais.

"Podemos dizer que Ollanta Humala é, muito provavelmente, o ganhador desta disputa presidencial", opinou Alfredo Torres, advertindo que a margem de erro da pesquisa de boca de urna é de 6%.

Após a divulgação das pesquisas, houve muita comemoração no hotel de Lima onde está o comando da campanha de Humala.

O Prêmio Nobel de Literatura Mario Vargas Llosa comemorou em Madri "a derrota do fascismo (...) e a grande vitória da democracia no Peru". "Nos livramos de uma ditadura que foi corrupta e sangrenta e queria voltar ao poder. Os peruanos agiram com grande responsabilidade, precisamos celebrar".

Magdalena Chu, principal autoridade da justiça eleitoral, afirmou que os resultados oficiais começarão a ser divulgados a partir das 20H00 local (22H00 de Brasília).

Quase 20 milhões de peruanos foram convocados para escolher o sucessor de Alan García, em mais de 100 mil locais de votação, por todo o país.

Com agências

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Preencha o formulário: